06/06/2017 07:56 - Atualizado em 06/06/2017

Brasileira Priscilla Stevaux conquista a prata no Pan-Americano de BMX da Argentina

Priscilla no pódio do Pan-Americano (Foto: Divulgação) Chegada da final no Pan-Americano (Foto: Divulgação) Pódio do Pan-Americano (Foto: Divulgação)

Após obter o vice-campeonato continental no sábado (3), ciclista repetiu o feito no domingo (4), com a segunda colocação na Copa Latino-americana de BMX


A ciclista Priscilla Stevaux (Shimano / Dougtraining / CCSJC) fez bonito neste fim de semana em Santiago del Estero, na Argentina. A atleta sorocabana subiu no pódio duas vezes, uma no Campeonato Pan-Americano de BMX e outra na Copa Latino-americana de BMX, ambas com a conquista das medalhas de prata, em duas disputas intensas com a argentina Gabriela Díaz, campeã nos dois dias.


As histórias de ambas as competições foram semelhantes, com Priscilla Stevaux e Gabriela Díaz decidindo as corridas decisivas no sprint final. No sábado (3), no Pan-Americano, Priscilla foi ultrapassada por Gabriela alguns metros antes da chegada. Já no domingo (4), na Copa Latino-Americana, foi a vez da brasileira tentar a recuperação, ficando muito próxima de tomar o ouro da adversária. Enquanto no primeiro dia a brasileira Julia Alves completou o pódio, no segundo a colombiana Andrea Escobar foi a terceira colocada.


"As provas foram muito disputadas e contaram com atletas experientes de vários países. Consegui chegar com antecedência na Argentina e, com a supervisão do meu treinador, Douglas Stevaux, estava me sentindo muito bem. Fiz uma boa largada e acabei liderando parte da prova, mas fui surpreendida nos metros finais pela argentina Gabriela Diaz", comentou Priscilla a respeito do Campeonato Pan-Americano.


"Na Copa Latino-Americana também venci todas as classificatórias e, novamente, foi hora de decidir a competição contra a adversária que havia me ultrapassado no dia anterior. Desta vez ela largou muito bem e tentei acompanhar, porém estava por fora. Ganhei muita velocidade e, na última curva, repeti a mesma jogada que fez comigo. Por meia roda ela venceu a corrida. De qualquer forma, fiquei contente com meu desempenho e com tudo que venho evoluindo recentemente. Agora é voltar para o Brasil e me preparar para o Campeonato Mundial, no final julho", complementou a atleta Shimano.

Mais notícias de Ciclismo